Não devo escolher a Ave Maria para meu casamento?

[vc_row][vc_column][vc_column_text]Na celebração do sacramento do matrimônio dentro do rito católico, quase que 100% das noivas fazem a opção de uma versão da Ave Maria para o momento das alianças, qual o motivo desta tradição?

Existem três fórmulas de benção que podem ser utilizadas pelo sacerdote neste momento, e as três possuem uma palavra em comum, FIDELIDADE! Para os católicos o exemplo de fidelidade foi Maria que permaneceu sempre fiel a Deus. Portanto, este momento se torna propício para convidar e pedir a intercessão de Maria para o casamento, quando se escolhe a Ave Maria o casal está trazendo para o seu casamento este pedido de intercessão e dizendo interiormente “Queremos ser fiéis um para o outro e ambos para Deus assim como foi Maria para José e para Deus.

Diante desta observação se torna importante para os católicos a escolha da Ave Maria no momento da benção das alianças!

Bênção e entrega das alianças

O sacerdote abençoa as alianças, recitando uma das três fórmulas seguintes:

Abençoe o senhor estas alianças, que ides entregar um ao outro como sinal de amor e de FIDELIDADE.
R. Amem.

Ou:

Derramai, senhor, a vossa bênção sobre estas alianças que abençoamos em vosso nome, para que os esposos que as vão usar, guardando íntegra FIDELIDADE um ao outro, permaneçam na vossa paz, obedeçam à vossa vontade e vivam sempre em mútua caridade.
por Nosso Senhor Jesus Cristo, vosso filho, que é Deus convosco, na unidade do Espírito santo.
R. Amem.

Ou:

Abençoai e santificai, Senhor, o amor dos vossos servos (N. e N.), para que, entregando um ao outro estas alianças em sinal de FIDELIDADE, recordem o seu compromisso de amor.
por Nosso Senhor Jesus Cristo, vosso filho, que é Deus convosco na unidade do Espírito santo.
R. Amem.

[/vc_column_text][/vc_column][/vc_row]

2016-06-29T08:12:11+00:00

Deixar Um Comentário